Sistemas Off-Grid – Durabilidade das baterias

porRicardo Jorge

Sistemas Off-Grid – Durabilidade das baterias

Planeje e melhore seu investimento

Para quem pensa em construir, ou já tem seu sistema Off-Grid em produção, é fundamental entender como melhorar a durabilidade das baterias

A palavra durabilidade pode ter 2 significados:

  • Por quanto tempo consigo usar minha bateria, após estar completamente carregada?
  • Qual será a vida útil de minha bateria?

Neste artigo, trataremos sobre a vida útil da bateria.

Vários fatores alteram a vida útil das baterias. Vamos avaliar alguns deles:

  • Temperatura de operação
  • Armazenamento ( longos períodos sem uso )
  • Manutenção periódica
  • Ciclo de descarga ( descarga profunda )
  • Tensão de flutuação
  • Corrente de carga
  • Número de ciclos de carga / descarga

Como podemos ver, não basta cuidar apenas de um tópico, já que o resultado será obtido pelo conjunto mostrado.

Temperatura de operação

Um importante fabricante de no-breaks, coloca o seguinte sobre a temperatura de operação :

A temperatura operacional ideal para uma bateria de chumbo-ácido é de 20-25 ° C. A temperatura elevada reduz a longevidade. Como orientação, cada aumento de 8 ° C na temperatura reduzirá a vida útil da bateria pela metade. Uma bateria que duraria 4 anos a 25 ° C, só funcionaria por 2 anos se operada a 33 ° C.

Esta é uma orientação genérica, mas é possível perceber que há diminuição da vida útil, se a bateria operar com temperaturas elevadas.

Armazenamento

Este mesmo fabricante de no-break, comenta o seguinte :

Não armazene baterias por longos períodos de tempo. As baterias devem ser armazenadas por no máximo 6 meses a partir da data de compra, pois são enviadas da fábrica com aproximadamente 80% da carga. Após esse período, a bateria deve ser usada ou perderá grande parte de sua carga. Não é aconselhável armazenar baterias que já estejam em uso. O armazenamento prolongado sem carregamento periódico pode resultar na redução da expectativa de vida e no desempenho errático da bateria.

Manutenção periódica

A limpeza dos contatos e verificação quanto a corrosão é uma prática muito importante.

Alguns modelos permitem a verificação e reposição do eletrólito.

Vocẽ também pode fazer rodízio entre as baterias que compõem seu banco de baterias.

Ciclo de descarga

Durante o tempo em que suas baterias alimentarão seu sistema Off-Grid, evite que elas atinjam tensões muito baixas, normalmente abaixo do 12 Volts.

O próprio fabricante das baterias alerta para isto, com tabelas próprias com os ciclos de descarga que cada tipo de bateria suporta.

Para tecnologias diferentes, os ciclos de carga / descarga e até mesmo a profundidade de descarga será diferente.

Ocorre que as baterias chumbo ácidas são as mais utilizadas, devido a seu preço e abundância no mercado brasileiro.

Tensão de flutuação

A tensão de flutuação deve ser verificada junto ao manual do fabricante da bateria.

Valores acima ou abaixo dos indicados são prejudiciais para as baterias.

Este também é um bom motivo para não misturar baterias de fabricantes diferentes ou com características diferentes, mesmo que do mesmo fabricante.

Corrente de carga

Durante o processo de carga, valores muito baixos de corrente farão a conhecida carga lenta, enquanto valores acima dos recomendados pelo fabricante, podem fazer a bateria sobreaquecer, reduzindo sua vida útil.

Número de ciclos de carga / descarga

O ciclo de carga / descarga costuma ser o principal indicador do tempo de vida das baterias. Exemplo :

  • 1500 ( ciclos ) / 365 ( dias ) => 4,1 anos

Fabricantes diferentes podem ter outros valores.

Novamente, baterias com tecnologia diferente da chumbo ácida, tem características particulares para os ciclos de carga e descarga, assim como a profundidade de descarga.

Conclusão

Como podemos verificar, vários são os fatores que afetam a vida útil das baterias e elas representam boa parte do investimento em um Sistema Off-Grid.

Se, por um lado, quando temos muitas baterias contamos com um tempo maior de duração no fornecimento de energia e ciclos de descarga mais suaves, por outro lado, o investimento na aquisição e manutenção das baterias também deve ser calculado.

Por isso é sempre importante avaliar o ROI ( Retorno de Investimento ).

Começar pequeno e ampliar seu sistema Off-Grid de forma gradual, é uma maneira de melhorar o ROI.

Contudo, é preciso ter cuidado quando for acrescentar baterias novas, junto com as já existentes.

Dependendo de quanto tempo seu sistema já esteja em operação, as baterias poderão estar em estágios de vida muito diferentes.

Artigos relacionados :

Sistemas Off-Grid – Monitorando resultados

arduino – Monitor para energia solar e eólica – Parte 1

Sistemas Off-Grid – Calculadora ROI – Guia Definitivo – Parte 1

Matriz Energética e Elétrica

Imagens do site NewMax


Sobre o Autor

Ricardo Jorge administrator

Deixe uma resposta